Vibraslap

 

Baseado no secular instrumento utilizado a partir do osso da mandíbula de animal, geralmente a do cavalo, o Vibraslap é um instrumento de percussão constituído por um pedaço de arame rígido (dobrado em forma de U), que liga uma bola de madeira a uma caixa oca de madeira com "dentes" de metal no interior. O percussionista segura o fio de metal em uma mão e golpeia a bola (geralmente contra a palma da outra mão). A caixa funciona como um corpo de ressonância de um mecanismo de metal colocado dentro de um número de pinos ou rebites vagamente presos que vibram e chocalham contra a caixa. O instrumento é uma versão moderna do maxilar.
O Vibra-Batida foi a primeira patente concedida à empresa de fabricação de instrumentos de percussão latina (Latin Percussion). 
O inventor do Vibraslap foi Martin Cohen. Cohen foi orientado pelo percussionista Bob Rosengarden: "Se você quiser fazer algum dinheiro, faça uma mandíbula que não quebra." Sobre o processo de inventar Cohen lembra: "Eu nunca tinha visto um maxilar antes, mas eu tinha ouvido falar de um em um Cal Tjader álbum. Descobri que era um crânio de animal que você iria atacar, e o som que vem dos dentes chocalhava nas partes soltas. Então eu peguei esse conceito e inventou o Vibraslap, que foi a minha primeira patente”.
O Vibraslap vem em uma variedade de tamanhos e materiais, e por vezes é comercializado sob o nome de "Donkey Call" ou "Rattleslap".
 
 

___________________________________________________________________________________________________________________________

 

 

 

MUNDO PERCUSSIVO

                                    Trazendo inovação e facilidade para o músico que exige o melhor!

 

 

 

 

 

 

 

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!