Novo site do Catarse traz mais funcionalidades e interação - Publicação: 10 de junho de 2012.

Novo site do Catarse traz mais funcionalidades e interação - Publicação: 10 de junho de 2012.

 

 

Novo site do Catarse.

Redação | quarta-feira, 6 junho de 2012

 

O site do Catarse está de cara nova. Além de mudanças no aspecto visual, a equipe comemora nesta semana o lançamento de algumas novas funcionalidades. “Acima de tudo, esperamos de todo o coração que as mudanças sejam úteis para os apoiadores e realizadores de projetos”, afirma Daniel Weinmann, responsável pelo desenvolvimento do site.

 

Essa não é a primeira vez que o design do site muda. Durante todo o ano de 2011 a equipe fez experimentações, caminhando para um visual mais limpo, remodelando os ícones, a bordas e as cores. Mas agora a equipe entende que, apesar desse ser um trabalho constante, as mudanças desta vez foram decisivas e fecham todo um ciclo de vida do site.

 

Uma das novas funcionalidades é o espaço de projetos em destaque personalizado. Agora todos receberão sugestões de projetos de acordo com o seu perfil, a partir de um sistema que identifica o projeto com mais apoiadores em comum com o seu último projeto apoiado.

 

E uma das funcionalidades mais esperadas: o novo sistema de busca. “Isso irá facilitar tudo, pois qualquer pessoa poderá BUSCAR projetos no Catarse. Dá pra imaginar que não existia isso antes? E pode digitar TUDO, pois a busca procura o nome do projeto, o texto do projeto e o nome do realizador do projeto”, comemora Luís Otávio Ribeiro, um dos sócios do site.

 

Muita gente tinha dificuldade em se cadastrar. Agora o processo ficou mais funcional. “Quando uma pessoa acha um projeto legal e quer contribuir, abre-se a tela de cadastro. Agora, após a conclusão do cadastro ou do login, a pessoa é redirecionada de volta para a página do projeto, e não para a homepage, como antigamente”, explica Diego Reeberg.

 

Comunicação - “Sempre consideramos a comunicação um dos aspectos mais importantes do crowdfunding e do Catarse. É muito legal ter uma barra lateral com nosso Facebook, stream do nosso Twitter, links para os últimos posts do blog e até uma agenda com os eventos”, conta Reeberg. “Vamos bater bola e tentar chegar junto cada vez mais. Uma das prioridades é incrementar a comunicação. Para isso, estamos trabalhando no sentido de possibilitar maior fluxo de materiais estatísticos e audiovisuais.”

 

Neste sentido, o blog do Catarse também está de cara nova, com barra lateral indicando as redes sociais e a possibilidade de comentar a partir da conta do Facebook. “Sem contar um visual muito mais bacana”, lembra o responsável por essa área, Thiago Maia, complementando que a equipe planeja também uma mudança editorial de envergadura semelhante às das alterações no site, integrando as redes sociais.

 

Outra novidade é a tabela de estatísticas em tempo real, sempre disponível para os visitantes acompanharem o ritmo da plataforma, o número de apoiadores, quantidade de apoios, recursos arrecadados, usuários, projetos bem-sucedidos e projetos no ar. Os dados ficam disponíveis na barra inferior do site.

 

Desenvolvimento - “Vale também lembrar que o design e as funcionalidades não existiriam sem o desenvolvimento. E sob a ótica do desenvolvimento os ganhos foram inúmeros. Além de termos limpado muita coisa no código, aumentamos bastante a nossa cobertura de testes automatizados e reescrevemos todos os JavaScripts (programação que roda no navegador, bem focada em interação com o usuário)”, conta Weinmann.

 

Esse trabalho, realizado nos últimos meses, possibilitou criar toda uma infraestrutura necessária pra começar a transformar o Catarse em um framework de crowdfunding open source, o que a equipe tem chamado, para simplificar, de “o wordpress do crowdfunding”.

 

Fonte: http://www.culturaemercado.com.br/crowdfunding/novo-site-do-catarse-traz-mais-funcionalidades-e-interacao/

 

 

 

 

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!